Acesso para usuários internos
Home Laboratório Análises Clientes Pesquisa Contato

Periódicos

Revista Árvore
Biomassa e nutrientes removidos no primeiro desbaste de um povoamento de Pinus taeda . em Cambará do Sul, RS.
Márcio Viera, Mauro V. Schumacher, Darlan M. Bonacina
35
3
371 - 379
2011
Resumo Objetivou-se, neste estudo, avaliar a biomassa e a remoção de nutrientes durante o primeiro desbaste de um povoamento de Pinus taeda, com nove anos de idade, em Cambará do Sul-RS. A biomassa resultante do primeiro desbaste foi de 35,7 Mg ha-1, com a seguinte magnitude de distribuição: madeira comercial > galhos vivos > casca contida na madeira comercial > acículas > madeira do ponteiro > galhos mortos > casca do ponteiro. As acículas apresentaram os maiores teores de macronutrientes e, juntamente com a casca do ponteiro, apresentaram também os maiores de micronutrientes. A colheita da casca e de madeira comercial resultou na seguinte remoção de macronutrientes, em kg ha-1: 46,2 de N; 25,1 de Ca; 15,2 de K; 10,0 de S; 6,7 de Mg e 5,4 de P; e de micronutrientes, em g ha-1: 2.641 de Mn; 1026 de Fe; 240 de Zn; 234 de B e 66 de Cu. 
Universidade Federal de Santa Maria
Departamento de Ciências Florestais
Laboratório de Ecologia Florestal
Prédio 44, CCR-UFSM, Sala 5268 - Fone: (55) 3220 8641 - CEP: 97105-900
Responsável: Prof. Tit.Dr.nat.techn. Mauro Valdir Schumacher